Oficina de Artes: VAMOS PARA A LUA

Em 20 de julho de 2019, fará 50 anos que o homem pisou na Lua pela primeira vez.
THIS MOON IS MINE
Imagem: “This Moon Is Mine”, Alan V. Barroso, 2019.

Este plano de ensino refere-se à uma oficina de Artes e Cultura voltada para público infantil, infanto-juvenil. Elaborado por Alan Barroso.

MOMENTO I: Contextualização.

Através da exibição de vídeos, fotografias, aplicativos ou diferentes materiais pedagógicos e tecnológicos, a temática sobre a chegada do homem à lua e curiosidades a respeito de nosso satélite, deverão ser contextualizadas pelo professor, sensibilizando o olhar dos participantes e aguçando a curiosidade.

Sugestão de material de apoio

Exibição dos vídeos abaixo, retirados do youtube:

  1. Reportagem sobre a chegada do homem à lua.

2. Vídeo com imagens da Lua através da sonda japonesa Kaguya.

MOMENTO II:

download

Imagem: Google

Explorando a imaginação. Realização do jogo imaginativo “Vou Para a Lua e Vou Levar”. Em roda, o primeiro jogador deverá dizer algo que levará para a lua. Na sequência, o jogador seguinte deverá dizer o que o jogador anterior levaria, bem como o que ele levará para a lua, e assim por sequência.

Desta maneira, todos os objetos à serem levados para a lua serão repetidos. Ex: Se o jogador 1 leva para a lua uma escova de dentes, o jogador 2 deverá levar a escova de dentes + seu próprio objeto. O jogador 3 deverá levar os dois objetos anteriores e seu próprio objeto e assim por seguinte, até que todos tenham repetido os objetos.

MOMENTO III:

child-19201_960_720

Imagem: Google

Fisicalização, interação e percepção espacial. Realização do Jogo Teatral “Andando no espaço como se estivesse no Espaço/Lua”. Os jogadores deverão, inicialmente, caminhar pelo espaço, observando tudo ao seu redor. Peça para que em certo ponto, eles esqueçam os outros ao redor, focando somente em si. Aos poucos, com o comando do professor, os jogadores deverão se transportar para a lua, fisicalizando em seus corpos como seria caminhar, correr, engatinhar, rolar, pular no solo lunar. Em algum momento, oriente para que eles se enxergarem, agora, e interajam entre si. Para finalizar o exercício, peça para que todos se organizem em grupo para entrarem na nave espacial e retornarem em segurança para o planeta Terra.

Sugestão: Música ambiente que estimule a prática.

MOMENTO IV:

picture-447176_960_720

Imagem: Google

Como encerramento da oficina, peça para que os participantes construam sua lua, seja por meio do desenho, da pintura, do papel machê ou isopor. Desde o desenho livre no papel em branco ou a construção de uma maquete elaborada, vai depender das condições de espaço, estrutura e material. O importante é que o participante tenha a oportunidade de representar o seu próprio conceito de lua.

Sugestões: alan.arte.educacao@gmail.com

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s